Oito escolas fazem a festa no Sambódromo do Rio neste sábado

Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil Edição: Marcos Chagas



O segundo dia de desfiles de escolas de samba da Série A, antigo Grupo de Acesso da Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Lierj), começa hoje (14) no Sambódromo, a partir das 21h, com  o Grêmio Recreativo Escola de Samba Alegria da Zona Sul. Criada na comunidade do Cantagalo-Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, a escola apresenta o enredo Kari’Oka, com o qual fala de forma bem-humorada sobre os 450 anos da cidade, comemorados este ano.

Em seguida, vem a Acadêmicos de Santa Cruz, com o enredo O pequeno menino se tornou Grande Otelo. A terceira escola que entrará na Marquês de Sapucaí é a Inocentes de Belford Roxo, representando a Baixada Fluminense, com uma homenagem ao sambista Nelson Sargento – Samba Inocente, pés no chão.

A Unidos de Padre Miguel, que caiu nas graças do público já no ensaio técnico, em 24 de janeiro, vai homenagear o escritor Ariano Suassuna com o enredo O cavaleiro armorial mandacariza o Carnaval.

A quinta escola deve entar no Sambódromo à meia-noite. É a Império da Tijuca, que traz o enredo O Império nas águas doces de Oxum. A escola foi campeã da Série A, em 2013.

Depois dela, é a vez da Renascer de Jacarepaguá. A escola vermelho e branca celebra Candeia! Um manifesto ao povo em forma de arte. Com o desfile previsto para começar à  1h30 de domingo (15), a Acadêmicos do Cubango fará uma viagem pela África, com o enredo  Cubango, a realeza africana de Niterói.

A oitava e última escola da Série A a se apresentar na Passarela do Samba será a Estácio de Sá. O enredo De braços abertos, de janeiro a janeiro, sorrio, sou Rio, sou Estácio de Sá! celebra a Cidade Maravilhosa.  O desfile da Estácio de Sá está programado para acabar às 3h25.  A campeã da Série A do ano passado foi a Viradouro, que desfila no grupo especial, no Sambódromo, a amanhã (15).

O presidente da Lierj, Déo Pessoa, disse que a expectativa é a melhor possível para este carnaval. “Acho que carnaval já diz tudo. Quando a gente entra nessa cachaça, entra para fazer o melhor, para transformar a nossa vida em alegria, em felicidade e confraternização”.

São esperadas no Sambódromo 30 mil pessoas para assistir aos desfiles neste sábado e amanhã, englobando ingressos para arquibancadas e frisas. Ainda estão disponíveis para compra ingressos no estande da Lierj montado atrás do setor 11 do Sambódromo, na Rua Salvador de Sá.

Déo Pessoa estima que houve melhorias em termos de acessibilidade na Passarela do Samba, às pessoas com necessidades especiais, em relação a carnavais anteriores. “Tem melhorado bastante, principalmente no setor par, que é novo”. A segurança na Sapucaí é considerada positiva. Pelo que se observa nos últimos anos, Déo enfatizou que “o carnaval é um evento que em termos de ocorrências ou de atritos, é o que menos tem acontecido”. Segundo ele, as pessoas que vão ao trabalho mostram um espírito de festa e confraternização.

O presidente da Lierj disse que todas as 15 as escolas da Série A apresentam enredos autorais próprios, sem contar com patrocínios de outras regiões brasileiras ou instituições de outros países.

- Assuntos: Rio de Janeiro, carnaval, Série A, escolas de samba, grupo de acesso, desfile, ingressos, Lierj

Papa alerta cardeais para perigos da inveja e do orgulho e pede senso de justiça

Da Agência Lusa Edição: Graça Adjuto

O papa Francisco pediu hoje (14) aos novos cardeais da Igreja Católica que tenham “forte sentido de justiça” e que pratiquem a caridade, alertando para os perigos da inveja e do orgulho.

Para Francisco, os cardeais devem ter “forte sentido de justiça, de modo a não aceitar nenhuma injustiça”. Ele falou durante a cerimônia de hoje, em que são investidos 20 novos cardeais (15 eleitores e cinco não eleitores).

O papa avisou aos novos cardeais que a caridade tem de pautar o seu trabalho. Segundo Francisco, a caridade significa ser magnânimo e benevolente: “A magnanimidade é, em certo sentido, sinônimo de catolicidade. É saber amar sem limites mas, ao mesmo tempo, com fidelidade nas situações particulares e com gestos concretos”.

Ele advertiu que os cardeais não estão imunes à tentação da inveja e do orgulho. Francisco alertou ainda os cardeais para o perigo da raiva, considerando que é desculpável uma irritação momentânea, mas não o rancor.

- Assuntos: papa Francisco, novos cardeais

Axé: ritmo que inovou o carnaval baiano completa 30 anos

Danyele Soares - Repórter do Radiojornalismo da EBC Edição: Lílian Beraldo



A axé music chegou aos 30 anos. O gênero, que marca o carnaval baiano e leva milhões de foliões à loucura, teve início com a música Fricote, de Luiz Caldas e Paulinho Camafeu, em 1985. De lá para cá, o ritmo ganhou novos contornos a partir da mistura com outros gêneros como o sertanejo, o samba e o pagode. O movimento de aproximação com diferentes fontes musicais também gerou críticas sobre uma possível crise do axé.

Para o coordenador do curso de graduação em música popular da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Ivan Bastos, entretanto, isso é um movimento natural.

“Alguns falam em crise criativa, mas eu não acho que é isso,. Essa mistura se dá por conta do capitalismo. Produtores, empresários e artistas veem que isso dá dinheiro e resolvem fazer. A nova tendência dá visibilidade ao cantor e acontece com outros estilos também.”

Segundo o professor, a nova composição das bandas após a saída de vocalistas que estouraram nas décadas de 80 e 90 e até nos anos 2000, como Netinho, Ivete Sangalo, Cláudia Leitte e Bell Marques, também é consequência desse ciclo natural e de interesses comerciais. “As gerações vão se sucedendo e a moda também. O antigo modelo é superado e assim surge espaço para outros nomes”, destaca.

O professor e vice-reitor da UFBA, Paulo Miguez, especialista em carnaval, avalia que a mistura de gêneros é positiva. De acordo com ele, o axé é composto por diversas formas, como a música dos blocos afro, do trio elétrico e do afoxé, o que representa um sinal de vitalidade do gênero. Ele destaca que é preciso diferenciar o axé no sentido estético musical do negócio que o movimento gera.

“O axé, no sentido estético, é muito interessante, formado por uma mistura, e gera importante transformação na cena cultural baiana. Isso é uma coisa fantástica. Já o aspecto comercial é concentrado, as oportunidades são poucas e o ativo fundamental desse negócio é o 'sistema de estrelas', a partir do qual é definido o valor a ser cobrado nos ingressos.”

De acordo com o cantor e compositor Luiz Caldas, considerado precursor do gênero, o axé vive um momento maravilhoso e as mudanças fazem parte do novo cenário musical. Ele destaca que o ritmo levou Salvador para o mundo e inovou o carnaval baiano. O cantor diz também que o axé foi responsável por “abrir novamente as portas” da imprensa para a Bahia depois do sucesso de Caetano Veloso, Gilberto Gil, dos Novos Baianos, de A Cor do Som, entre outros.

“Muita gente diz que o axé music está em crise, mas isso é uma crise particular, é a crise de alguns. Eu mesmo vivo meu melhor momento musical e sou o criador do axé music. Hoje, olhando para trás e vivendo o presente, digo que é um momento de criação e celebração. Vamos para a frente que vem muita gente por aí.”

- Assuntos: carnaval, festas, Bahia, axé music, axé, Luiz Caldas

Há 382 anos, Galileu Galilei era detido pela Inquisição

Nos dias atuais em que a Nasa, a Agência Espacial Norte-Americana, esquadrinha o Universo em busca de vida fora da Terra; e em que autoridades mundiais e grande parte da população admitem a possibilidade de vida em outros planetas, é bom relembrar Galileu Galilei.

Há trezentos e oitenta e dois anos, em 13 de fevereiro de 1633, o físico matemático, astrônomo e filósofo italiano Galileu Galilei era detido pela Inquisição da Igreja Católica devido as suas conclusões de que a terra girava em torno do sol, de acordo com a sua teoria que ficou conhecida como heliocentrismo.

Até então prevalecia a Teoria do Geocentrismo, segundo a qual, o sol girava em torno da Terra.

Como estudioso que era, Galilei provocou uma grande Revolução Científica. Desenvolveu os primeiros estudos dos chamados movimento uniforme acelerado e do pêndulo.

Aprimorou o telescópio e com ele descobriu as manchas solares, as montanhas da Lua, as fases de Vénus, quatro satélites de Júpiter, os anéis de Saturno e as estrelas da Via Láctea.

A inquisição queria que o sábio italiano voltasse atrás e desistisse de sua teoria de que o Sol era o centro do nosso sistema solar e não a terra, como acreditava a igreja Católica.

Galileu se manteve fiel a sua teoria. Foi julgado e condenado e os seus livros proibidos. Ele foi condenado por tempo indeterminado.

Com o passar dos séculos a Igreja Católica foi revendo a sua posição com relação a Galileu, tendo iniciado em 1992 um processo de revisão dessa condenação.

O trabalho foi demorado e durou sete anos. E ao final, em 1999, a Igreja Católica decidiu absolver Galileu do que três séculos antes havia sido considerada uma heresia.

Galileu que também propôs uma nova metodologia científica é considerado o pai da ciência moderna.

- Assuntos: História Hoje, Galileu Galilei

Youssef diz que PP e PT receberam recursos da Petrobras

Política

A Justiça Federal em Curitiba ouve o depoimento do ex-Diretor de Abastecimento  da Petrobras, Paulo Roberto Costa.

Como assinou um acordo de delação premiada, Paulo Roberto é obrigado a responder a todas as perguntas feitas pela força-tarefa que investiga o caso.

Ele está sendo ouvido na ação penal em que o ex-diretor da área internacional da estatal, Nestor Cerveró, e o empresário Fernando Soares, conhecido com Fernando Baiano, são réus.

No processo, Cerveró, Baiano e o ex-consultor da Toyo Setal, Julio Almeida Camargo, são acusados de fazer parte do esquema de superfaturamento de contratos da Petrobras e pagamento de propina a partidos políticos.

Ontem, o juiz Sérgio Moro, responsável pelas investigações, retirou o sigilo dos depoimentos dados sobre a delação premiada.

Neles, o doleiro Alberto Yousseff afirma que os partidos PP e PT recebiam dinheiro do esquema. Segundo Yousseff, o dinheiro foi entregue nos escritórios de Julio Camargo em São Paulo e no Rio de Janeiro, e que antes de passar o dinheiro ao consultor, retinha o percentual devido ao PP.

Disse ainda que o escritório de São Paulo servia para pagamentos ao PT.

A entrega de dinheiro nos escritório de Camargo ocorreu entre 2005 e 2012. O valor operado, segundo Yousseff, foi de R$ 27 milhões. Youseff disse ainda que o ex-ministro José Dirceu seria um dos elos de Júlio Camargo com o PT, e que o nome dele era um dos indicados do partido para o recebimento de recursos.

Em nota, José Dirceu repudiu as declarações e negou ter representado o partido em negociações com Camargo ou construtoras.

- Assuntos: Política, Justiça Federal, Curitiba, Operação Lava Jato, Ex-Diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa

ANS suspende 70 planos de saúde

Setenta planos de saúde de onze operadoras estarão suspensos a partir da quinta-feira (19).

Segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a suspensão se deve ao não cumprimento dos prazos máximos de atendimento e também a reclamações como negativas de cobertura indevida.

- Assuntos: ANS, Planos de Saúde, Saúde, Saúde Suplementar, Planos, Priscilla Mazenotti

Poetas de Brasília posam nus para calendário

Para arrecadar dinheiro para publicar livretos com suas obras, quinze poetas de Brasília posaram nus para um calendário. O projeto Poesia Nua une traços artísticos do grafiteiro britânico Banksy com fotografias. O calendário traz poetas de várias idades.



- Assuntos: Calendário, Projeto, Poesia Nua, Poetas, Brasília, Cultura, Poesia

Operação Folia Feliz pretende garantir tranquilidade em aeroportos e estradas

Com o feriado de carnaval muita gente vai viajar. De carro ou de avião operações estão sendo realizadas para garantir a segurança e a qualidade dos serviços .

Mais de 7 milhões de pessoas devem circular nos aeroportos do país. Cinco milhões somente nos terminais de Galeão e Santos Dumont, no Rio de Janeiro, Guarulhos e Congonhas, em São Paulo, além de Brasília, Recife e Salvador.

Por isso, esses sete aeroportos participam da Operação Folia Feliz, que começou nessa quinta-feira (12) e segue até o dia 23. O objetivo é garantir a tranquilidade na operação aeroportuária e evitar atrasos e cancelamentos de voos. Estão programados para esses dias mil e 200 voos extras.

O percentual de pessoas que vão circular nos aeroportos deve ser 14% superior em relação ao carnaval do ano passado. E as estradas também estão com fiscalização reforçada nesse período.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia hoje a Operação Carnaval, que segue até a quarta-feira de cinzas. Cerca de 10 mil agentes estão envolvidos na Operação. De acordo com o inspetor da PRF, Diego Brandão, o foco das ações é a Lei Seca. Segundo ele, o número de infrações relacionados à bebida alcoólica no carnaval chega a ser três vezes maior que em outros feriadões. No total, a PRF está com 970 bafômetros e 480 radares nas rodovias federais de todo o país.
Lembrando que a Lei Seca está mais rigorosa. A carteira de habilitação é suspensa e a multa é de R$ 1.915.

- Assuntos: Karol Assunção, Operação Folia Feliz, Aeroportos, Estradas, Fiscalização

Petroleiros paralisam embarques para plataformas no Espírito Santo

O Sindicato dos Petroleiros do Espírito Santo (Sindipetro-ES) promoveu na manhã desta sexta-feira (13) uma paralisação de cerca de uma hora e meia de todos os embarques de funcionários para as plataformas petrolíferas no aeroporto de Vitória. Os funcionários são transportados do continente para as plataformas, em alto-mar, por meio de helicópteros.

O objetivo da mobilização, foi chamar a atenção para a segurança dos trabalhadores nas plataformas. Na última quarta-feira (11), uma explosão na sala de bombas do navio-plataforma Cidade de São Mateus, operado pela BW Offshore a serviço da Petrobras, deixou cinco mortos, 26 feridos e quatro desaparecidos.

- Assuntos: Vitor Abdala, Sindicato Petróleo e Gás, Petroleiros, Protesto, Plataformas, Acidentes Plataformas

Escolha de membros das comissões do Senado fica para depois do Carnaval

Por falta de acordo e de definição entre os partidos, a escolha dos membros das comissões permanentes e dos presidentes e vice vão ficar mesmo para depois do Carnaval.

É que os partidos de oposição não estão confiantes em relação ao processo. Alegam que o presidente da Casa, Renan Calheiros, não respeitou o critério da proporcionalidade entre os partidos na eleição da Mesa Diretora e deixou o PSDB, PSB e DEM, partidos de oposição, de fora.

O Democratas chegou a entrar no Supremo Tribunal Federal com um mandado de segurança pedindo a anulação dessa eleição.

No início da semana, Renan Calheiros cobrou dos partidos que fizessem logo as suas indicações para as comissões, mas o apelo não teve êxito.

As vagas nas comissões são definidas pelo critério da proporcionalidade. Os partidos que têm mais representantes têm direito a um número maior de vagas.

No caso do Senado, o PMDB deve ser o primeiro a escolher a comissão que quer presidir e vai ficar com duas a de Constituição e Justiça e uma outra ainda a ser definida.

O segundo maior partido o PT também deve ficar com duas comissões a de Assuntos Econômicos e a de Direitos Humanos. O PSB vai ficar com a de Esporte. Os outros partidos ainda precisam definir suas escolhas.

Enquanto isso, não há funcionamento nas comissões, nem votação e análise de projetos.


- Assuntos: Priscilla Mazenotti, Política, Comissões, Senado, Escolha, Membros

Pesquisa mostra que epidemia de Aids está crescendo no Norte do país

Na região Norte, 87% da população sabe da importância dos preservativos para se prevenir contra AIDS e outras DSTs. Mas, ainda assim, metade das pessoas sexualmente ativas não usou camisinha nas relações casuais em 2013.

Os dados são da Pesquisa de Conhecimentos, Atitudes e Práticas na População Brasileira, realizada pelo Ministério da Saúde, em 2013. O estudo mostra que, no Brasil, apesar de todas as campanhas realizadas, o uso do preservativo em todas as relações sexuais, nos últimos 12 meses, se manteve praticamente estável – 47% em 2004; 50% em 2008 eem 2013. A pesquisa entrevistou 12 mil pessoas na faixa etária de 15 a 64 anos.

Desde os anos 80, foram notificados 757 mil casos de aids no país. Na região Norte, segundo Ministério da Saúde, foram 41 mil e 36 casos no mesmo período. A epidemia no Brasil está estabilizada, com taxa de detecção em torno de 20,4 casos a cada 100 mil habitantes.

No Norte, a epidemia está em crescimento. São 26 casos a cada 100 mil habitantes, acima da média nacional.

Estes indicadores motivaram o Ministério da Saúde, em meados de 2014, a instalar uma Força Tarefa, especificamente para enfrentar, de maneira diferenciada, a epidemia no Estado do Amazonas.

Para o ministro da Saúde, Artur Chioro, os dados demonstram um esgotamento das estratégias tradicionais de prevenção focadas apenas nos preservativos. Ele reforça o protocolo para impedir mais contaminações.

Em dezembro de 2013, o Ministério da Saúde implantou o novo Protocolo de Tratamento para Adultos, que possibilitou o acesso aos antirretrovirais a todas as pessoas com o vírus da aids.  Atualmente, são cerca de 400 mil pessoas em tratamento de aids com 22 medicamentos antirretrovirais distribuídos pelo SUS.

Paralelo às campanhas de incentivo ao sexo seguro, o Brasil tem adotado outras estratégias de prevenção, como a ampliação da testagem do HIV.


- Assuntos: Maíra Heinen, Região Norte, Aids, Saúde, Epidemia, Ministério da Saúde, Pesquisa

Produtos e serviços de Carnaval | estão 7,42% mais caros este ano

Da Rádio Cabriola

Os produtos e serviços típicos no carnaval estão 7,42% mais caros este ano do que na festa do ano passado, quase no mesmo nível da inflação dos últimos 12 meses, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Getulio Vargas (IPC-FGV), que acumulou 7,66% de fevereiro de 2014 a janeiro deste ano.


- Assuntos: Alana Gandra, Economia, Inflação, Serviços no Carnaval, Carnaval

Em depoimento, Costa discorda de valor de prejuízo com corrupção na Petrobras

André Richter - Enviado Especial da Agência Brasil/EBC Edição: Fábio Massalli

Em depoimento prestado hoje (13) à Justiça Federal em Curitiba, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, considerou o prejuízo de R$ 88,6 bilhões, estimado com as perdas por corrupção na Petrobras,  como um "equívoco gigantesco". Nos esclarecimentos prestados ao juiz federal Sérgio Moro, o ex-diretor afirmou que o pagamento de propina ocorria apenas nos contratos das empreiteiras que faziam parte do cartel nos contratos com a estatal.

"A Petrobras tem milhares de contratos. Os contratos que teve problema de propina foram os contratos das empresas do cartel. Eu listei [na delação ] 12 ou 13 empresas do cartel. Se olhar o número de empresas que tem contrato com a Petrobras, são centenas de empresas. Há um equívoco gigantesco nesse número que se fala aí", disse.

O levantamento sobre o prejuízo foi feito por consultorias independentes  e indicou que a Petrobras teria acumulado prejuízo de R$ 88,6 bilhões com os casos de corrupção. No entanto, o valor foi desprezado, porque a metodologia foi considerada inadequada.  Após a divulgação do número, a ex-presidenta da estatal Graça Foster renunciou ao cargo.

Costa foi ouvido na ação penal em que Nestor Cerveró e o empresário Fernando Soares são réus. Ele teria direito de ficar em silêncio, mas foi obrigado a responder as perguntas por ter assinado acordo de delação premiada.

- Assuntos: Operação Lava Jato, Polícia Federal, Petrobras, Paulo Roberto Costa

Campanha de desligamento do sinal de TV analógica começa em abril

Sabrina Craide - Repórter da Agência Brasil Edição: Aécio Amado

A partir do dia 3 de abril, os telespectadores do Distrito Federal (DF) vão começar a ser informados sobre a transição do sistema de televisão analógica para o digital. A implantação definitiva do sinal digital na região, com o desligamento do sinal analógico, está prevista para abril de 2016.

De acordo com o cronograma estabelecido pelo Ministério das Comunicações, o DF será a primeira região a receber exclusivamente o sinal digital. Também em 2016 será a vez de São Paulo (maio), Minas Gerais (junho), Goiânia (agosto) e Rio de Janeiro (novembro). A implantação do sinal digital será concluída em todo o país até 2018. Em novembro deste ano, um projeto-piloto do desligamento será testado na cidade de Rio Verde, em Goiás.

Um ano antes da mudança definitiva para o sinal digital em cada localidade, avisos serão divulgados pelas geradoras e retransmissoras. Cada emissora terá que informar ao telespectador a data do desligamento e o canal digital em que vai passar a transmitir sua programação.

Para ocorrer o desligamento da TV analógica, será exigido que pelo menos 93% dos domicílios do município estejam aptos a receber o sinal digital. Os aparelhos de TV mais recentes já conseguem transmitir o sinal digital, e os demais vão precisar utilizar um conversor. O governo vai distribuir conversores para as famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. A previsão é repassar entre 13 e 14 milhões de conversores digitais.

Com o desligamento do sinal analógico, haverá a liberação da faixa de 700 mega-hertz, atualmente ocupada por canais de TV aberta em tecnologia analógica. Com a digitalização da TV, essa faixa vai ser usada para expandir o serviço de telefonia e internet 4G no Brasil, que desde 2013 já opera na frequência de 2,5 GHz.

- Assuntos: TV digial, Anatel, Ministério das Comunicações, TV analógica

Forças Armadas da Venezuela declaram lealdade absoluta a Nicolás Maduro

Da Agência Lusa Edição: Nádia Franco



As Forças Armadas da Venezuela emitiram hoje (13) comunicado condenando a "conduta de um reduzido número de militares" detidos por suposto envolvimento em planejamento de um golpe de Estado, e reiteraram lealdade ao presidente Nicolás Maduro.

"As Forças Armadas reiteram o seu apoio incondicional e lealdade absoluta ao nosso presidente, comandante-chefe das Forças Armadas Nacionais Bolivarianas, Nicolás Maduro Moros, e reafirmam o seu compromisso com a Constituição, a vontade do povo e os postulados do Plano da Pátria, lei que guia a revolução bolivariana na construção do socialismo bolivariano do Século 21", diz o comunicado dos militares.

O comunicado, divulgado na televisão estatal venezuelana e lido pelo ministro da Defesa, Vladimir Padrimo López, acompanhado pelo Alto Comando Militar, sublinha que a atitude dos militares suspeitos "não representa o sentir, pensar, nem atuar, da instituição". Sete militares da Força Aérea Venezuelana foram detidos por suposto envolvimento no plano de golpe, que teria o apoio de opositores.

Segundo López, os detidos "preparavam ações militares, que, em ligação com outras manobras políticas e contaminadas de ambições de poder, pretendiam infringir a ordem constitucional”. De acordo com o ministro, os militares venezuelanos estão unidos nas suas convicções democráticas e de que "um país não se constrói com violência, nem ressentimento, mas com justiça, cooperação e entendimento".

Nesta sexta-feira, o secretário-geral da União das Nações Sul-Americanas (Unasul), o colombiano Ernesto Samper, reiterou o apoio do bloco a Maduro. “As possibilidades de um golpe militar na Venezuela revelam preocupante escalada contra a sua democracia”, escreveu Samper em sua conta no Twitter. Segundo ele, “a Unasul reitera sua vontade de encontrar caminhos democráticos e pacíficos, e reitera apoio ao presidente Nicolás Maduro”.

O presidente da Venezuela denunciou ontem (12) nova tentativa de golpe de Estado, liderada por “oficiais da Força Aérea”, que foram detidos. “Desmantelamos um atentado golpista contra a democracia e a estabilidade do nosso país. Trata-se de uma tentativa de usar um grupo de oficiais da Força Aérea para provocar violências, um atentado, um ataque”, afirmou.

Segundo Maduro, o plano consistia em apoderar-se de um avião Tucano, armá-lo e atacar o Palácio [presidencial] de Miraflores, ou o local de um de seus deslocamentos.

- Assuntos: Forças Armadas, venezuela, lealdade absoluta, maduro

Brasileiros foram mais ao cinema nas primeiras semanas de 2015

Paulo Virgílio - Repórter da Agência Brasil Edição: Fábio Massalli

O mês de janeiro de 2015 registrou um recorde histórico no número de ingressos vendidos para as salas de cinema do país, de acordo com os dados divulgados hoje (13) pela Agência Nacional do Cinema (Ancine). O Observatório do Cinema e do Audiovisual – levantamento feito pela Ancine – diz que, nas primeiras cinco semanas do ano, foram vendidos 17,9 milhões de ingressos, o melhor resultado na série histórica iniciada na década de 80.

Segundo a Ancine, os números representam crescimento de mais de 15% em relação aos 15,5 milhões de bilhetes comercializados em janeiro deste ano. A arrecadação registrou um resultado ainda mais expressivo, de 22%, em parte devido a um pequeno aumento no preço médio do ingresso, subindo de R$ 189,1 milhões no primeiro mês de 2014 para R$ 232,2 milhões em janeiro deste ano.

O cinema brasileiro teve, nesse período, participação de 24,9% no número de ingressos vendidos – 4,4 milhões – e de 23,3% na arrecadação, em um total de R$ 54,1 milhões.

Nas primeiras cinco semanas do ano, foram lançados no mercado 28 títulos, sendo 22 estrangeiros e seis brasileiros. Entre as 20 maiores bilheterias, estão três filmes nacionais e um deles – Loucas para casar – ocupa a terceira posição.

- Assuntos: cinema, Ancine, cinema brasleiro, mercado exibidor cinematográfico

Promotor que substituiu Nisman denuncia Cristina Kirchner e Héctor Timerman

Mônica Yanakiew - Correspondente da Agência Brasil/EBC Edição: Stênio Ribeiro

Presidenta Cristina Kirchner Arquivo/Agência Brasil
O promotor Gerardo Pollicita denunciou à Justiça nesta sexta-feira (13) a presidenta Cristina Kirchner e o chanceler Héctor Timerman, suspeitos de ter acobertado os responsáveis pelo atentado ao centro comunitário judaico Amia, em 1994 – considerado o pior na história do país. Na explosão, 85 pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridas. Pollicita substituiu o promotor Alberto Nisman, que, no dia 14 de janeiro, apresentou denúncia de envolvimento da presidenta no caso.

Nisman foi encontrado morto, com um tiro na cabeça, quatro dias depois da denúncia e às vésperas de comparecer ao Congresso para explicar o que o levou a fazer acusações tão sérias.

Passado quase um mês, a morte de Nisman ainda está sendo investigada, em meio a rumores envolvendo desde os serviços secretos argentino, norte-americano, israelense e iraniano até a presidenta Cristina Kirchner, além de aliados e opositores do governo. Ninguém sabe ainda se o promotor se suicidou, foi induzido a se matar ou foi assassinado.

Paralelamente à investigação da morte de Nisman, a cargo da promotora Viviana Fein, foi aberta outra, sob responsabilidade do promotor Gerardo Pollicita, para investigar a denúncia feita por Nisman, resumida em um relatório de 300 páginas. O documento, tornado público, foi redigido com base em escutas telefônicas obtidas com o apoio da Secretaria de Inteligência, que o governo acaba de reformar.

Hoje, Pollicita anunciou que vai investigar as acusações de Nisman, para comprovar sua veracidade. Além de Cristina Kirchner e Héctor Timerman, serão investigadas cinco pessoas, entre elas o deputado governista Andrés Larroque e o militante Luis D’Elia (que aparece varias vezes nas gravações, conversando com supostos agentes iranianos). Isso significa que ele vai examinar as provas que já existem e, provavelmente, requerer outras. Isso não significa, entretanto, a convocação, na primeira etapa, dos suspeitos para prestar depoimento.

Nisman foi indicado para retomar as investigações do atentado à Amia pelo ex-presidente Néstor Kirchner (2003-2007). Ele abandonou a tese anterior, de que o atentado teria sido planejado pelo governo sírio, e acusou o Irã de ter arquitetado o ataque terrorista, com a ajuda do grupo xiita libanês Hezbollah. A pedido dele, a Interpol emitiu, em 2007, alertas vermelhos contra cinco iranianos – dois deles ex-ministros de Estado.

A viúva e sucessora de Néstor Kirchner, a presidenta Cristina, sempre acusou Teerã de não cooperar com a Justiça argentina para investigar o atentado, até 2013. Naquele ano, o regime iraniano – que sempre negou qualquer responsabilidade no ataque terrorista - aceitou falar sobre o assunto.

Os dois governos assinaram memorando de entendimento, criando uma comissão da verdade que permitiria à Justiça argentina questionar os suspeitos no Irã, desde que eles aceitassem falar. O acordo foi duramente criticado pela oposição e pela maioria da comunidade judaica na Argentina, que não confiavam nas intenções dos iranianos e suspeitavam que mudaram de atitude só para suspender os alertas vermelhos.

Nisman, que também criticou o acordo, foi além. Ele acusou a presidenta Cristina Kirchner de ter negociado o memorando para inocentar os iranianos acusados por ele, por motivos econômicos. A Argentina, segundo ele, queria trocar grãos e armas por petróleo iraniano.

O governo desmentiu as acusações, alegando que o petróleo iraniano sequer pode ser usado nas refinarias argentinas, e tornou pública uma carta da Interpol, confirmando que a Argentina (mesmo depois de assinar o entendimento) pediu a manutenção dos alertas vermelhos. Mas a inesperada morte de Nisman mudou o cenário politico, em ano eleitoral.

No próximo dia 18, os promotores da Argentina vão promover a Marcha do Silêncio, em homenagem a Nisman, e já criticada duramente pela presidenta.

*Matéria alterada às 19h54 para esclarecer informações

- Assuntos: Justiça, Argentina, indiciamento, Cristina Kirchner, chanceler Timerman

Costa confirma que recebeu propina pela compra da Refinaria de Pasadena

André Richter - Enviado Especial da Agência Brasil/EBC Edição: Fábio Massalli



O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa confirmou hoje (13), em depoimento na Justiça Federal, em Curitiba, que recebeu propina do empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano.

Segundo Costa, os pagamentos ocorreram no contrato de compra da Refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, e em contratos da Andrade Gutierrez, que, segundo ele, também participava do cartel de empreiteiras.

De acordo com ele, grande parte dos pagamentos foi feita em contas no exterior e valores menores foram pagos no Brasil. Costa afirmou que Soares foi apresentado a ele pelo ex-diretor da Área Internacional da estatal Nestor Cerveró.

Costa também confirmou que recebeu propina do ex-consultor da Toyo Setal Júlio Camargo, pelos contratos da Petrobras com a empresa. Segundo ele, Camargo tinha um "bom relacionamento e conhecia bastante" o doleiro Alberto Youssef. Sobre Cerveró, o ex-diretor disse que não sabe se ele recebeu propina do doleiro.

O advogado Nélio Machado, que representa Fernando Soares, participou  da audiência e negou que o empresário tenha feito os pagamentos indevidos.

Em nota enviada à Agência Brasil, a empreiteira rebateu as declarações de Paulo Roberto Costa. "A Andrade Gutierrez nega e repudia as acusações - baseadas em ilações e não fatos concretos - e afirma, como vem fazendo desde o início das investigações, que nunca fez parte de qualquer acordo de favorecimento envolvendo a empresa e a Petrobras. A Andrade Gutierrez reitera, mais uma vez, que não tem ou teve qualquer envolvimento com os fatos relacionados com as investigações em curso" , diz a nota.

Costa foi ouvido na ação penal em que Nestor Cerveró e o empresário Fernando Soares são réus. Ele teria direito de ficar em silêncio, mas foi obrigado a responder as perguntas por ter assinado acordo de delação premiada.

* matéria atualizada às 19h40 para acréscimo de informações

- Assuntos: Operação Lava Jato, Petrobras, Polícia Federal, Paulo Roberto Costa, Refinaria de Pasadena

Surtos de sarampo no Brasil e nos EUA mostram problemas na imunização

Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil Edição: Marcos Chagas

Recentes surtos de sarampo nos Estados Unidos e no Brasil mostram que as taxas de vacinação contra a doença em algumas áreas estão abaixo do necessárioValter Campanato/Agência Brasil
Os recentes surtos de sarampo ocorridos nos Estados Unidos e no Brasil sugerem que as taxas de imunização contra a doença em algumas áreas estão abaixo do necessário para prevenir a propagação de casos importados nas Américas. A conclusão é da Organização Mundial da Saúde (OMS), que reforçou a importância dos países manterem altas taxas de cobertura vacinal no Continente.

O sarampo é considerado erradicado nas Américas desde 2002, uma vez que não há relatos de transmissão endêmica da doença na região desde então. Um comitê internacional de verificação fazia o trabalho de compilar dados e informações com o objetivo de declarar formalmente o Continente livre da doença.

De acordo com a OMS, a eliminação do sarampo nas Américas enfrenta grandes desafios. Até o momento, foram identificados 147 casos confirmados da doença em quatro países do Continente Americano este ano – 121 nos Estados Unidos –, todos ligados a um surto registrado no parque de diversões da Disneylandia, na Califórnia, em dezembro. Também ocorreram um caso no México, ligado ao surto americano, 21 no Brasil e quatro no Canadá.

Recomendação da OMS é que as crianças recebam duas doses da vacina contra o sarampo antes dos 5 anosMarcelo Camargo/Agência Brasil

Os casos no Brasil, segundo o órgão, são parte de um surto maior que começou em 2013 e já infectou mais de 700 pessoas, em 31 municípios. Os dados mostram que, entre 2003 e 2014, as Américas registraram um total de 5.077 casos importados de sarampo, a maioria em 2011.

A vacina contra a doença, destaca a OMS, é usada há mais de 50 anos e tem sua segurança e eficácia comprovadas. Globalmente, a estimativa é que a imunização tenha prevenido cerca de 15,6 milhões de mortes entre 2000 e 2013.

A recomendação do órgão é que as crianças recebam duas doses da vacina contra o sarampo antes de completarem 5 anos e que os níveis de cobertura, com ambas as doses, sejam mantidos em 95% ou mais para prevenir a propagação de casos importados. Atualmente, cerca de 92% das crianças com 1 ano, nas Américas, recebeu a primeira dose da vacina.


Diante dos surtos recentes, a OMS orienta que os governos aconselhem os viajantes que vão à regiões onde há circulação da doença checarem seu cartão de vacinação. A recomendação só não vale para menores de 6 meses, que não devem ser vacinados. Os turistas devem ser informados sobre os principais sintomas do sarampo e o que fazer em caso de suspeita.

Outra medida é a sensibilização de profissionais de saúde para comunicar de forma imediata a suspeita de casos da doença, além de investigar contatos próximos do paciente e locais onde ele esteve na tentativa de interromper a cadeia de transmissão.

- Assuntos: saúde, sarampo, brasil, Estados Unidos, OMS

Brasil e Alemanha acertam visita de Merkel e reuniões com Dilma em agosto

Pedro Peduzzi – Repórter da Agência Brasil Edição: Jorge Wamburg

Os ministros dos Negócios Estrangeiros da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, e das Relações Exteriores do Brasil, Mauro Vieira, durante assinatura de atos, no Palácio Itamaraty (José Cruz/Agência Brasil) José Cruz/Agência Brasil

A chanceler alemã, Angela Merkel, visitará o Brasil em agosto para se reunir, nos dias 19 e 20, com a presidenta Dilma Rousseff. A confirmação da data foi feita hoje (13) durante a visita do ministro dos Negócios Estrangeiros da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier ao Itamaraty, onde foi recebido pelo ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira.

No encontro, os ministros acertaram os preparativos para a reunião das duas governantes, na abertura da primeira reunião das Consultas Intergovernamentais de Alto Nível Brasil-Alemanha. Foi também assinado um memorando de entendimento que possibilitará a concessão de vistos de férias-trabalho para que cidadãos dos dois países possam ter uma experiência profissional e cultural remunerada.

“A visita da delegação alemã é importante para avançarmos nas relações de comércio, de investimentos e de cooperação entre pequenas e médias empresas dos setores de ciência, tecnologia e educação”, disse Vieira durante coletiva de imprensa. Ele lembrou que os dois países possuem “laços antigos e densos”, com grandes investimentos de origem alemã ajudando o desenvolvimento brasileiro. Segundo Vieira, há atualmente cerca de 1.600 empresas alemãs atuando no Brasil. “São Paulo é a maior cidade industrial alemã fora da Alemanha”, disse o ministro brasileiro.

Desde 2012, a Alemanha é o principal parceiro do Brasil na Europa. É também o quarto parceiro comercial do Brasil no mundo. "Precisamos aumentar isso para o bem das nossas economias”, disse o ministro brasileiro ao destacar a estratégia brasileira de ampliar a pauta de exportações de produtos brasileiros com maior valor agregado.

Pouco antes da coletiva, Steinmeier e Vieira assinaram um memorando de entendimento que possibilitará a concessão de vistos de férias-trabalho para que cidadãos dos dois países possam ter, no outro país, uma experiência profissional remunerada. Dessa forma, os dois governos buscam possibilitar a troca de experiências e de conhecimentos entre brasileiros e alemães, tanto no campo profissional como cultural.

O ministro alemão aproveitou o confronto entre os dois países durante a Copa do Mundo – quando o Brasil foi eliminado da final após uma derrota por 7 a 1 para o time alemão – para mostrar o quão forte é a parceria entre os dois países. “Apesar do confronto desportivo, vejo com alegria que ele não lançou problemas sobre relações bilaterais”, disse Steinmeier pouco antes de lembrar: “se olharmos para os confrontos anteriores, vemos que o Brasil ainda tem larga vantagem sobre a Alemanha”.

- Assuntos: chanceler alemã, Angela Merkel, Dilma Rousseff, visto de férias-trabalho

Juiz autoriza tratamento psicológico para Cerveró na Polícia Federal

André Richter - Enviado Especial da Agência Brasil/EBC Edição: Jorge Wamburg

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato, autorizou hoje (13) tratamento psicológico para o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, onde está preso, atendendo a um pedido de defesa Cerveró, que usa medicamentos contra a depressão e faz tratamento psicoterápico há alguns anos, segundo os advogados.

Para evitar deslocamentos até uma clínica e a mobilização de escolta da polícia, o tratamento só poderá ser feito nas dependências da superintendência e os advogados deverão enviar ao juiz relatórios periódicos sobre o tratamento:   “Autorizo que o acompanhamento psicológico/psiquiátrico de Nestor Cerveró seja realizado nas dependências da carceragem da Polícia Federal,   em lugar reservado, com periodicidade semanal ou quinzenal, segundo orientação e com duração estipulada pelo profissional a ser contratado, às  expensas do acusado, pela defesa, cujo nome deverá ser informado a este Juízo no prazo de cinco dias", decidiu Moro.

No pedido feito ao juiz,   a defesa de Cerveró anexou laudo assinado pela psicóloga Elizabeth Carneiro, que pede autorização para começar o tratamento na prisão. Os advogados chegaram a pedir a internação dele, mas desistiram.

"Declaro, para os devidos fins, que Nestor Cerveró é meu paciente há três anos e faz tratamento psicoterápico, desde essa época, para um quadro de transtorno de ansiedade. Desde o mês de abril de 2014, vem apresentando sintomas depressivos severos, necessitando assim de tratamento psicológico também para essa patologia. Apresenta-se atualmente com depressão maior, sendo extremamente danosa a interrupção do tratamento psíquico", diz a médica no laudo.

De acordo com relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), no dia 16 de dezembro Cerveró sacou R$ 500 mil de um fundo de previdência privada e transferiu o valor para a filha, mesmo tendo sido alertado pela gerente do banco de que perderia 20% do valor. Em junho do ano passado, o ex-diretor da Petrobras havia transferido imóveis para seus filhos, com valores abaixo dos de mercado. Na intepretação do MPF, Cerveró tentou blindar o patrimônio contra as investigações da operação lava-jato e, por isso, a prisão foi requerida. A defesa nega que os saques tiveram a intenção de se desfazer do patrimônio.

- Assuntos: Operação Lava Jato, Petrobras, Polícia Federal, Nestor Cerveró

Universidades particulares podem reajustar matrículas pelo Fies em até 6,4%

Ivan Richard - Repórter da Agência Brasil Edição: Marcos Chagas

Pressionado pelas instituições de ensino superior, o Ministério da Educação (MEC) elevou para até 6,4% o reajuste que poderá ser aplicado nas matrículas para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Anteriormente, a pasta havia bloqueado o crédito para as instituições que aumentaram as mensalidades acima de 4,5%, que é a meta de inflação fixada pelo governo.

A mudança, segundo a assessoria do MEC, ocorreu depois que as equipes técnicas do órgão e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) analisaram as informações prestadas pelas instituições de ensino. Com o novo patamar de reajuste, o ministério anunciou que o sistema para novos contratos do Fies será aberto no dia 23.

Estudantes que aderirem até o dia 29 de março ao Fies estão livres das novas regras estabelecidas pelo MECImagem de Arquivo/Agência Brasil

As inscrições poderão ser feitas no portal do programa. A novidade é que será estabelecido um prazo para que os estudantes solicitem o Fies. As inscrições estarão abertas até o dia 30 de abril. Antes, a adesão podia ser feita a qualquer momento.

Segundo o MEC, os estudantes que aderirem ao fundo de financiamento até 29 de março não estarão sujeitos às mudanças feitas pela portaria, no final do ano passado. Os que aderirem a partir de 30 março deverão ter obtido média de pelo menos 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e não ter zerado a redação.



As inscrições do Fies foram suspensas no início do ano para adequação às novas normas. Desde o final de janeiro, o sistema está aberto para renovação de contratos. As mudanças no Fies, feitas pela portaria do MEC, causaram polêmica no setor, pela possível redução de contratos. O fundo oferece cobertura da mensalidade a juros de 3,4% ao ano. O contratante só começa a quitar o financiamento 18 meses depois de formado.

Desde 2010, o Fies acumula 1,9 milhão de contratos e abrange mais de 1,6 mil instituições.

- Assuntos: Ministério da Educação, Fies, universidades particulares, reajuste, matrículas

Primeiro dia de Carnaval em Salvador é marcado pela redução de ocorrências policiais


Foto: Manu Dias/GOVBA

A abertura do Carnaval de Salvador foi marcada pela redução no número de delitos e aumento da produtividade dos policiais. No primeiro dia da festa não houve registro de homicídios, lesões corporais seguidas de morte nem tentativas de homicídio. Das 19h de quinta-feira (12) às 5h59 desta sexta (13), nos três circuitos da festa, ocorreram 11 casos de lesão corporal, o que representa redução de 45% em relação a 2014. Foi constatada ainda diminuição de 40% nos casos de furtos e de 44% no número de roubos.

A operação da Segurança Pública deste ano conta com efetivo de mais de 23 mil policiais, 300 deles à paisana entre os foliões, numa estratégia da Polícia civil. Neste primeiro balanço, cinco pessoas foram autuadas em flagrante, o que representa aumento de 66% no comparativo com 2014, e outras 122 pessoas foram conduzidas e presas por uso ou tráfico de drogas, um acréscimo de 90%.

Na noite de quinta-feira, durante abertura oficial da festa, o governador Rui Costa destacou o papel da segurança na festa. "A preocupação principal do governo é com o bem-estar das pessoas e trabalhamos para isso. Peço agora que todos façam sua parte para evitar a violência. Que a alegria impere".

Secom Bahia

Homenagem a Edith do Prato marca abertura oficial do Carnaval da Cultura nesta sexta


Ícone do samba de roda da Bahia, Edith do Prato será homenageada na abertura oficial do Carnaval da Cultura, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult). O show que marca o início da programação acontece nesta sexta-feira (13), no Largo do Pelourinho, às 20h. A cantora Mariene de Castro recebe no palco Margareth Menezes, Mariela Santiago, Virgínia Rodrigues, Will Carvalho, Carol Soares e Manuela Rodrigues.

A sexta-feira segue com mais atrações no Pelourinho, como Chico César, Orquestra Afrosinfônica, Orquestra Rumpilezz, Diamba e Toco Y Me Voy.

O Carnaval da Cultura apoia 93 entidades carnavalescas de matriz africana, por meio do programa Carnaval Ouro Negro. Entre os beneficiados estão blocos, afoxés e agremiações de índio, samba e reggae.

Secom Bahia

Cerca de 700 batuqueiros abrem o carnaval no Recife nesta sexta-feira

Luciano Nascimento - Enviado Especial da Agência Brasil/EBC Edição: Valéria Aguiar




Faltando poucas horas para a abertura oficial do Carnaval no Recife nesta sexta-feira (13), os foliões se preparam para o cortejo de maracatus que vai da Rua da Moeda até a Marco Zero, no Bairro do Recife. Comandados pelo percussionista Naná Vasconcelos, 700 batuqueiros de 11 blocos  (maracatu, cordões, afoxés e escolas de samba) abrem oficialmente a folia a partir das 16h.

O cortejo será recepcionado pelo Clube Carnavalesco Misto Bola de Ouro, na Praça do Marco Zero. Às 19h, Naná sobe ao palco com os blocos de maracatu e das cantoras Elba Ramalho, Fafá de Belém e a cabo-verdiana Lura. A festa continua com grande show de frevo, comandado pelo homenageado maestro Spok.

Na manhã desta sexta-feira, o bairro de Boa Viagem acordou ao som do frevo, com o desfile do Clube dos Rapazes Inocentes. Com mais de 40 anos, tradicionalmente, o bloco ocupa as ruas do bairro reunindo crianças, adultos e foliões da terceira idade.

Este ano o carnaval do Recife será feito em 63 pólos com a participação de 1.677 atrações. Ao lado do maestro Spok, o Clube Carnavalesco Misto Bola de Ouro também será um dos homenageados durante o reinado de Momo. O clube que comemora o seu centenário neste ano representa a tradição carnavalesca da cidade. O músico pernambucano, maestro Spok, com 44 anos é considerado uma das referências no frevo e já esteve à frente dos blocos Banda Pernambucana e Orquestra de Frevo do Recife. Atualmente, ele comanda SpokFrevo Orquestra.

Na quinta-feira (12), a estátua do Galo da Madrugada, o maior bloco do mundo, foi erguida sobre a Ponte Duarte Coelho. Com 27 metros de altura, a escultura carrega as cores do Bola de Ouro e um saxofone em referência ao maestro Spok.

Em Olinda, a abertura do carnaval ocorreu no início da noite de ontem (12) aos sons dos clarins de uma orquestra de frevo e contou com shows de Alceu Valença e Claudionor Germano, um dos homenageados da festa.

O tradicional carnaval de Olinda, tem este ano o tema “Olinda vestida de sol”, em homenagem ao romancista e dramaturgo Ariano Suassuna, autor do livro Uma Mulher Vestida de Sol. Também serão homenageados o Maracatu Nação Pernambuco, que está completando 25 anos, a Banda Som da Terra, na comemoração de seu 40º aniversário.

- Assuntos: Recife, carnaval, maestro Spok, olinda

Dilma passa o carnaval na Base de Aratu

Luana Lourenço – Repórter da Agência Brasil Edição: Denise Griesinger

A presidenta Dilma Rousseff embarcou hoje (13) no fim da manhã para a Base Naval de Aratu, na Bahia. Mais cedo, Dilma recebeu o ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Frank-Walter Steinmeir, no Palácio do Planalto.

Por volta das 11h20, ela deixou o palácio de helicóptero rumo à Base Aérea de Brasília, onde embarcou para a Bahia. A previsão é que a presidenta chegue a Salvador às 12h, no horário local.

Dilma vai passar o feriado na base naval, acompanhada de parentes, e deve retornar a Brasília na Quarta-Feira de Cinzas (18). A Base Naval de Aratu tem sido o destino escolhido pela presidenta para descanso em feriados e recessos. No inicio de janeiro, Dilma passou alguns dias na região, logo após tomar posse para o segundo mandato.

- Assuntos: Carnalval, Dilma Rousseff, Base Naval de Aratu

Austrália ameaça boicotar turismo na Indonésia se australianos forem executados

Da Agência Lusa Edição: Talita Cavalcante

Turistas da Austrália podem boicotar a Indonésia, caso o país execute dois traficantes de droga condenados à morte, disse hoje (13) a ministra dos Negócios Estrangeiros, Julie Bishop, que recusa, por enquanto, retirar os diplomatas australianos do país.

Julie Bishop, que nessa quinta-feira (12) pediu no Parlamento que as vidas de Andrew Chan e Myuran Sukumaran fossem poupadas, disse que a situação é tensa, já que as autoridades indonésias planejam transferir os dois homens da prisão para o lugar da execução. "É uma situação muito tensa", disse Julie Bishop à rádio Fairfax.

Várias vigílias foram organizadas na Austrália, que não apoia a pena de morte, para pedir clemência. A ministra dos Negócios Estrangeiros disse que, se os dois homens vierem a enfrentar o pelotão de fuzilamento, isso pode influenciar a decisão dos australianos de passarem férias na Indonésia.

Julie alertou Jacarta para não subestimar a força dos sentimentos dos australianos para com Andrew Chan e Myuran Sukumaran. "Tenho recebido uma enorme quantidade de e-mails e mensagens. Sei que as pessoas estão organizando vigílias e manifestações. Acho que os australianos vão demonstrar sua insatisfação decidindo onde querem ir de férias."

A ilha indonésia de Bali é um dos principais destinos de férias dos australianos.

Perguntada sobre a possibilidade de retirar diplomatas australianos do país, caso as execuções ocorram, Julie disse que esta "é uma decisão que ainda tem de ser analisada".

"A minha preocupação agora é manter abertas as vias de comunicação entre o nosso embaixador e o governo indonésio", acrescentou.

- Assuntos: Austrália, Indonésia, execução, traficantes de drogas

Ucrânia: 11 pessoas foram mortas em confrontos nas últimas 24 horas

Da Agência Lusa Edição: Talita Cavalcante

Três civis e oito soldados morreram em confrontos no Leste da Ucrânia nas últimas 24 horas, de acordo com fontes do governo e das forças rebeldes, um dia depois de terminar as negociações de paz para pôr fim ao conflito.

Segundo as autoridades separatistas, bombardeios mataram três civis e feriram cinco em Lugansk, enquanto o Exército ucraniano diz que oito soldados morreram e 34 ficaram feridos na zona de conflito.

Começa no domingo (15) o cessar-fogo acertado ontem (12), na Cúpula de Minsk (Bielorússia), da qual participaram a primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, e os presidentes da Ucrânia, Petro Porochenko; França, François Hollande, e da Rússia, Vladimir Putin.

- Assuntos: mortos, Ucrânia, cessar-fogo, cúpula de Minsk

Primeiro ataque do Boko Haram no Chade deixa dez mortos

Da Agência Lusa

O primeiro ataque do grupo radical islâmico Boko Haram em território chadiano, em uma localidade no Lago Chade, deixou dez mortos, segundo a imprensa local. Os combatentes do Boko Haram alcançaram Ngouboua em botes a partir da cidade nigeriana de Baga e mataram pelo menos dez pessoas, entre as quais o chefe da aldeia, na sequência do ataque que teve como alvo a área residencial e um quartel das Forças Armadas do Chade.

O Exército do Chade iniciou uma operação de perseguição aos autores do ataque, que coincide com uma operação multinacional liderada pela Nigéria e pelo Chade para expulsar o Boko Haram das suas áreas de influência no Nordeste do país.

O Chade, que tem uma das forças armadas mais poderosas da região, fez nos últimos dias vários ataques aéreos contra posições do Boko Haram.

Assim, as tropas chadianas reconquistaram a localidade nigeriana de Gamboru, onde mataram 250 supostos membros da organização radical islâmica, após dois dias de intensos combates na fronteira entre Nigéria e Camarões.

Em represália, o Boko Haram intensificou as incursões no Níger e Camarões, como a da semana passada na localidade camaronesa de Fotokol, onde degolou e assassinou cerca de 100 civis.

Recentemente, a União Africana autorizou uma força regional de 7,5 mil soldados para combater os radicais islâmicos, que pretendem criar um estado islâmico no Norte da Nigéria, majoritariamente muçulmano, ao contrário do Sul, de maioria cristã.

Desde 2009, a atividade de guerrilha do Boko Haram causou 13 mil mortos e 1,5 milhão de deslocados na Nigéria e atinge agora os países vizinhos.

- Assuntos: Boko Haram, Nigéria, Chade, mortos

Após caso de febre amarela em Goiás, ministério reforça importância da vacina

Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil Edição: Denise Griesinger

Em adultos, a indicação é que a vacina seja adotada como medida de prevenção para residentes ou visitantes de áreas onde há recomendação de imunizaçãoJosé Cruz/Agência Brasil

Após a notificação de um caso de febre amarela na cidade de Alto Paraíso (GO), o Ministério da Saúde reforçou a importância da vacinação no combate à doença. A dose faz parte do Calendário Nacional de Vacinação e deve ser administrada aos 9 meses, com um reforço aos 4 anos.

Em adultos, a indicação é que a vacina seja adotada como medida de prevenção para residentes ou visitantes de áreas onde há recomendação de imunização. Pessoas que nunca receberam a dose e vão viajar para áreas de risco devem ser vacinadas com pelo menos dez dias de antecedência. Quem tomou uma única dose da vacina há mais de dez anos deve receber o reforço.

O governo orienta ainda que pessoas que precisem viajar para áreas de risco, sem terem sido vacinadas com dez dias de antecedência, evitem acessar áreas silvestres. Em caso de necessidade de deslocamento para esses locais, a recomendação é usar roupas que protejam as áreas expostas do corpo – principalmente braços e pernas – e usar repelente.

A pasta informou que o caso de febre amarela registrado no interior de Goiás é tratado como um caso isolado de um estrangeiro que passou pela cidade e seguiu para o Rio de Janeiro, onde foi diagnosticado e recebeu tratamento médico-hospitalar. O paciente já recebeu alta.

A febre amarela é uma doença infecciosa febril aguda, causada por um vírus transmitido por mosquitos. No Brasil, a doença ocorre esporadicamente, com registros de casos humanos isolados nas áreas consideradas endêmicas, principalmente na região amazônica e no Centro-Oeste. A vacina, segundo o ministério, é o principal instrumento de prevenção, com elevada eficácia.

- Assuntos: saúde, febre amarela, vacinação

Governo publica regras para uso de energia e água em prédios públicos

Ana Cristina Campos - Repórter da Agência Brasil Edição: Graça Adjuto

Entidades e órgãos federais devem adotar práticas responsáveis de consumo Arquivo/Agência Brasil

O governo publicou hoje (13) portaria no Diário Oficial da União que estabelece medidas para reduzir o consumo de energia elétrica e água em órgãos da administração pública federal. De acordo com a portaria, as entidades e os órgãos federais devem adotar práticas responsáveis de consumo, como o uso consciente dos aparelhos de ar condicionado, de lâmpadas, além de evitar o desperdício de água.

Na quarta-feira (11), o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, disse que o objetivo é diminuir o consumo em cerca de 30%.

Entre as orientações para reduzir o consumo estão, por exemplo, manter as portas e janelas fechadas quando o aparelho de ar condicionado estiver sendo usado, desligar o aparelho quando não houver ninguém no ambiente e evitar usá-lo após as 18h.

Desligar o monitor dos computadores, de impressoras, estabilizadores e caixas de som também são providências que serão incentivadas. No caso de geladeiras e freezers, deve-se evitar que as portas fiquem abertas sem necessidade e regular a temperatura dos equipamentos conforme a estação do ano e a capacidade utilizada.

Desligar as lâmpadas das salas que não estiverem em uso, principalmente nos horários de almoço e no encerramento do expediente, evitar acender lâmpadas durante o dia, dando prioridade à luz natural sempre que possível, e reduzir a iluminação em áreas de circulação, pátios de estacionamento e garagens, desde que não prejudique a segurança nos locais, são outras medidas que devem ser adotadas.

A portaria recomenda acionar apenas um elevador e usar, sempre que possível, as escadas para os primeiros pavimentos e para subir ou descer poucos andares.

Segundo o Ministério do Planejamento, o uso da água também deve ser responsável, evitando desperdícios, como vazamentos nas instalações. A portaria recomenda atenção à manutenção das torneiras totalmente fechadas, prioridade ao uso de descargas mais econômicas, e a criação, quando possível, de sistemas de captação de água da chuva.

De acordo com a pasta, os órgãos e entidades devem informar mensalmente os dados sobre consumo de energia elétrica e de água por meio do Sistema do Projeto Esplanada Sustentável (SisPES). As informações relativas ao ano de 2014 e a janeiro de 2015 deverão ser inseridas no SisPES no prazo de 30 dias a partir da publicação desta portaria. As secretarias de Orçamento Federal e de Logística e Tecnologia da Informação, junto com a Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental, estabelecerão indicadores para o monitoramento do consumo.

- Assuntos: consumo, água, energia, prédios públicos federais, Ministério do Planejamento

Corpos de vítimas são retirados de navio-plataforma no Espírito Santo

Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil Edição: Graça Adjuto

Mais 65 funcionários que estavam a bordo durante o acidente foram retirados da plataformaDivulgação Petrobras

A empresa BW Offshore informou hoje (13) que retirou os corpos dos cinco funcionários mortos na explosão do navio-plataforma Cidade de São Mateus, no último dia 11. Segundo nota divulgada pela empresa, quatro são brasileiros e um é indiano. Quatro pessoas continuam desaparecidas desde o momento da explosão.

Mais 65 funcionários que estavam a bordo durante o acidente foram retirados da plataforma. Vinte e seis deles ficaram feridos, dos quais pelo menos sete, segundo a BW Offshore, estão internados em um hospital da região metropolitana de Vitória (ES).

A explosão ocorreu por volta das 12h50 da última quarta-feira (11), na sala de bombas da plataforma, que produz petróleo nos campos de Camurupim e Camurupim Norte, localizados na Bacia do Espírito Santo, a aproximadamente 120 quilômetros do litoral. A BW Offshore opera a plataforma, a serviço da Petrobras.

- Assuntos: plataforma, acidente, Petrobras, petróleo e gás

Ucrânia: Rússia diz que queria um cessar-fogo imediato

Da Agência Lusa Edição: Graça Adjuto

Rússia queria um cessar-fogo imediato com a Ucrânia Arte/Dijor

Dmitry Peskov, o porta-voz do presidente russo, Vladimir Putin, disse hoje (13) que a Rússia queria um cessar-fogo imediato com a Ucrânia, e que o prazo de domingo (15) de manhã foi acertado na Cúpula de Minsk (Bielorússia) por pressão dos líderes rebeldes. A Rússia "apoiou um cessar-fogo imediato", disse Dmitry Peskov.

Na cúpula, além de Putin, participaram os líderes da Ucrânia (Petro Porochenko), da Alemanha (Angela Merkel), e da França (François Hollande).

Segundo Peskov, a data de 15 de fevereiro foi escolhida "de acordo com a vontade dos separatistas" devido à dificuldade de "conseguir efetivamente um cessar-fogo simultâneo".

"[Os rebeldes] expressaram ativamente as suas exigências que tivemos de ouvir", disse Peskov. O porta-voz destacou que Putin "se esforçou bastante para persuadir os rebeldes a assinar o documento".

Nessa quinta-feira (12), Putin disse que as negociações tinham se prolongado porque Kiev se recusou a falar com os rebeldes diretamente.

- Assuntos: Ucrânia, cessar-fogo, rebeldes pró-russos

Novos casos de câncer de tireoide são registrados em Fukushima

Da Agência Lusa

Novos casos de câncer, que não existiam até o acidente nuclear de Fukushima ou nos meses seguintes, foram detectados recentemente em menores, mostra relatório da prefeitura japonesa. De acordo com o documento, entre os 75.311 menores examinados, um desenvolveu recentemente um câncer e suspeita-se que mais sete tenham a doença. Esses menores, quatro rapazes e quatro mulheres, não apresentavam nenhuma anomalia durante os exames de controle inicial.

A primeira fase do exame (feita entre outubro de 2011 e o fim de 2014) abrangeu 298.577, dos 367.687 jovens da região com menos de 18 anos no momento do acidente, ocorrido em março de 2011, causado por um terremoto seguido de tsunami.

Os exames revelaram 86 casos de câncer da tireoide e 23 fortemente suspeitos entre os menores, sendo, no entanto, impossível afirmar que foram uma consequência do acidente nuclear, por falta de dados comparativos.

O segundo estudo começou em 2014 e permitiu analisar 75.311 crianças, sendo o primeiro que permite realmente medir os casos que surgiram depois do acidente. Permite ainda detectar tumores que não existiam no primeiro exame, agora utilizado como base de referência.

A tireoide é uma esponja de iodo, especialmente durante o crescimento infantil. A glândula é particularmente vulnerável a emissões de iodo 131 radioativo, liberado em caso de acidente nuclear.

- Assuntos: Japão, Fukushima, acidente nuclear, câncer, novos casos

Militares venezuelanos são detidos por suspeita de envolvimento em golpe

Da Agência Lusa Edição: Graça Adjuto

Nicolás Maduro instruiu seus simpatizantes para que, caso "lhe aconteça algo", derrotem o golpe de Estado com uma ofensiva cívico-militarArrquivo/Agência Brasil

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, informou hoje (13) que cinco oficiais da Força Aérea foram detidos pelas autoridades, por suspeita de envolvimento em plano para um golpe de Estado, com o apoio de vários opositores.

"Desmantelamos um atentado golpista contra a democracia, contra a estabilidade da nossa pátria. Trata-se de nova tentativa de usar um grupo de oficiais da Força Aérea para provocar ato violento, um atentado, um ataque", disse.

Em declarações ao canal estatal Venezuelana de Televisão, Maduro disse que os cinco oficiais detidos tinham instruções para gravar vídeo de um "general golpista, que está preso e julgado", para depois, "com um avião Tucano, bombardear o palácio do governo", as sedes dos ministérios da Defesa, do Interior e da Justiça, e do canal de televisão Telesul.

"Todos os oficiais envolvidos estão presos e prestam depoimentos. "Pagaram-lhes em dólares, foram ativados, deram-lhes uma missão e vistos norte-americanos", acrescentou, ao denunciar o envolvimento dos Estados Unidos na conspiração.

Nicolás Maduro instruiu seus simpatizantes para que, caso "lhe aconteça algo", derrotem o golpe de Estado com uma ofensiva cívico-militar. "Estão autorizados a radicalizar a revolução até o nível máximo que jamais conhecemos", concluiu.

- Assuntos: venezuela, Nicolás Maduro, Golpe de Estado, suspeita, militares, detenção

Quase 70 blocos animam hoje o carnaval de Salvador

Danyele Soares - Enviada especial do Radiojornalismo/EBC Edição: Graça Adjuto



Sessenta e sete blocos vão animar o carnaval de Salvador nesta sexta-feira (13), nos três maiores circuitos da capital baiana: Osmar (Campo Grande), Dodô (Barra/Ondina) e Batatinha (Pelourinho). No circuito Osmar, haverá o Furdunço, em que minitrios e bandas acústicas se apresentam sem cordas, ou seja, gratuitamente. Também hoje será inaugurada a Arena do Samba, uma das novidades da festa este ano.

Ontem (12), o prefeito da cidade, Antônio Carlos Magalhães Neto, e o governador do estado, Rui Costa, entregaram as chaves da cidade ao rei Momo, Alan Nery, abrindo oficialmente a folia. De acordo com ACM Neto, o marco este ano é a festa popular, devido à folia nos bairros e ao Furdunço. “Este é o carnaval da participação popular, do folião pipoca, da participação democrática de todo cidadão e eu tenho certeza de que vai ser uma alegria e uma energia que só o povo de Salvador sabe fazer.”

A abertura da festa foi animada pela música de Luiz Caldas, precursor do axé music, que em 2015 completa 30 anos e é o tema do carnaval. A cantora Daniela Mercury também participou da entrega das chaves. Para ela, o axé faz parte da cultura brasileira e foi responsável por promover a capital baiana e incentivar o turismo. “O axé é um gênero que nasceu aqui, está no mundo e deu grandiosidade à música popular brasileira. Também convida o mundo a ir à Bahia.”

A chegada de turistas movimenta a economia da cidade e agrada aos vendedores ambulantes. É o caso de Viulcélio dos Santos. Durante o carnaval, ele vende óculos de sol à beira-mar e chega a faturar, durante os seis dias de folia, R$ 1,2 mil, o que representa um acréscimo de 50% no orçamento mensal. Há 20 anos como ambulante, ele destaca: “Em seis dias, ganho mais do que o meu salário em um mês. Para mim, está ótimo! E eu também me diverto.”

De acordo com a prefeitura, foram cadastrados 8 mil vendedores ambulantes neste carnaval.

- Assuntos: carnaval, Salvador, Blocos

Spray de espuma e maquiagem excessiva no carnaval podem causar lesões nos olhos

Flavia Villela - Repórter da Agência Brasil Edição: Stênio Ribeiro

Caso a espuma caia nos olhos, a indicação é lavar a área afetada com água corrente e, se não melhorar, procurar um médicoAntônio Cruz/Agência Brasil

Produtos comuns no carnaval, o spray de espuma e a maquiagem podem ser um problema para a saúde dos olhos. Conselheiro da Sociedade Brasileira de Oftalmologia, Marcus Sáfady alerta que as lesões causadas por spray de espuma podem comprometer a visão.

“Quando a espuma cai nos olhos, pode causar vermelhidão, sensação de areia nos olhos, dor e todo tipo de reação alérgica”, explica. Caso isso ocorra, o primeiro passo, segundo ele, é lavar a área afetada com água corrente e, se não melhorar, procurar um médico. O oftalmologista desaconselha a automedicação, pois existe o risco de complicar ainda mais a situação.

A carioca Larissa Ribeiro, 28 anos, precisou de atendimento de emergência depois de ser atingida por spray em um bloco de rua, na capital fluminense. “Uso lentes de contanto, então foi pior ainda. Minha vista ficou totalmente irritada e não conseguia enxergar direito. Detesto esses sprays, deviam ser proibidos”, comentou.

O Projeto de Lei 4.476/12, que propunha a proibição da venda do produto, foi arquivado no dia 31 de janeiro deste ano.

A maquiagem excessiva é outro problema comum no carnaval, de acordo com o médico. “É preciso cuidado ao usar sombras com purpurina ou glitter, pois caso caia na vista, o material pode arranhar a córnea ou se alojar na pálpebra, causando irritação”, explica.

O oftalmologista adverte que o lápis de pintura também pode ser um vilão para os olhos. “Na parte interior das pálpebras, onde é utilizado, ficam as glândulas de meibômio, responsáveis pela secreção de material gorduroso que ajuda na composição da lágrima. A obstrução dessas glândulas aumenta o risco de inflamação e infecção local, podendo causar terçol”, explica Marcus Sáfady, lembrando que a remoção da maquiagem antes de dormir é fundamental para retirar quaisquer resíduos prejudiciais à visão.

*Matéria alterada às 11h05 do dia 13/02/2015 para esclarecer informação

- Assuntos: carnaval, olhos, spray de espuma, maquiagem, irritação, vistas

Ex-diretor da Petrobras depõe hoje à Justiça Federal em Curitiba

André Richter - Enviado Especial da Agência Brasil/EBC Edição: Graça Adjuto

Ele vai ser ouvido na ação penal em que o ex-diretor da Área Internacional da estatal Nestor Cerveró e o empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, são réusGeraldo Magela/Agência Senado
A Justiça Federal em Curitiba ouve hoje (13) o depoimento do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa. Ele vai ser ouvido na ação penal em que o ex-diretor da Área Internacional da estatal Nestor Cerveró e o empresário Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, são réus.

Por ter firmado acordo de delação premiada com a força-tarefa responsável pela investigações da Operação Lava Jato, Costa é obrigado a responder a todas as perguntas. A audiência será conduzida pelo juiz Sérgio Moro, às 11h. Carlos Alberto Pereira, acusado de ser laranja (operador) do doleiro Alberto Youssef em empresas de fachada, também prestará depoimento.

No processo, Cerveró, Fernando Baiano e o ex-consultor da Toyo Setal Júlio Almeida Camargo são acusados de fazer parte do esquema de superfaturamento de contratos da Petrobras e pagamento de propina a partidos e agentes políticos.

Camargo fez acordo de delação premiada no qual informou os pagmentos. As defesas de Cerveró e Baiano negam que os investigados tenham recebido ou intermediado pagamento de propina.

- Assuntos: Operação Lava Jato, Policia Federal, Petrobras, Nestor Cerveró, Fernando Baiano, Paulo Roberto Costa

CARNAVAL 2015 - Notícias da folia baiana

Foto Rosilda Cruz SecultBA
Confira um resumo da cobertura da Rádio Cabriola do Carnaval 2015, nesta quinta-feira (12), abertura oficial:

Circuito Dodô - Neste primeiro dia de carnaval o bloco Os Mascarados desfila no Circuito Dodô. Fantasiados já começam a invadir a Barra. Expectativa é de que 15 mil foliões acompanhem o bloco.Campo Grande - Passagem do bloco evangélico, sem cordas e sem som.
12 de Fevereiro de 2015
00h00 - A gente volta nesta sexta-feira com mais novidades - Bom carnaval.

Barra - Mari Antunes inicia o desfile arrastando o trio independente Tropikalia. Figurino: Noiva
12 de Fevereiro de 2015
23h20

Barra - O primeiro carnaval do cantor Dja Luz com a banda Filhos de Jorge.
12 de Fevereiro de 2015
23h05

Campo Grande - Grupo É o Tchan inicia o desfile com o bloco Pagode Total.
12 de Fevereiro de 2015
23h10

Barra - Alexandre Peixe começa o desfile.
12 de Fevereiro de 2015
22h30

Agora no Campo Grande: Luiz Caldas e Bell Marques animam os foliões em trio sem cordas. Antes teve a abertura oficial com a entrega das chaves ao Rei Momo,
12 de Fevereiro de 2015
22h40

Agora na Barra: Parangolé, Durval Lélys, Léo Santana, Saulo, Anitta e Danniel Vieira.
12 de Fevereiro de 2015
22h40

Campo Grande - Foliões pulam no trio sem cordas comandado por Bell.
12 de Fevereiro de 2015
22h25

Os rodoviários permanecem paralisados. As estações Pirajá e Mussurunga estão fechadas, segundo informações da Transalvador. Motoristas e cobradores exigem o pagamento da gratificação de carnaval.
12 de Fevereiro de 2015
22h20

Campo Grande - Primeira apresentação solo de Bel no carnaval de Salvador.
12 de Fevereiro de 2015
22h20

Barra - Saulo comanda o bloco Cerveja & Cia.
12 de Fevereiro de 2015
21h55

Barra - O cantor Danniel Vieira, que há três anos realiza uma das festas mais concorridas de Salvador, a "Sexta do gordinho", no boêmio bairro do Rio Vermelho, começa o desfile na Barra.
12 de Fevereiro de 2015
21h50

Campo Grande - Luiz Caldas arrasta os foliões na companhia do Rei Momo
12 de Fevereiro de 2015
21h38

CARNAVAL 2015 - Notícias da folia baiana

Mais de 300 policiais civis irão trabalhar infiltrados no Carnaval


A Polícia Civil atuará com mais de 300 policiais infiltrados no Carnaval de 2015. O contingente foi ampliado, em relação ao ano passado, porque as equipes tiveram bons resultados, contribuindo com mais de 67% dos procedimentos, flagrantes e termos circunstanciados, registrados nos postos policiais instalados nos três circuitos da folia.

Delegados e investigadores de diversos departamentos estarão em ação nos dos três postos do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), antigo Denarc, instalados nos circuitos da festa. Eles irão circular 24 horas entre os foliões.

Segundo o diretor do Draco, delegado André Viana, o objetivo é coibir o tráfico de drogas, crimes contra o patrimônio e crimes contra a vida - os chamados Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). Os policiais terão ferramentas, como o Sistema de Informação para Proteção à Pessoa (Sipp), para auxiliar na identificação de criminosos. Além disso, a Polícia Civil disponibiliza o Disque-Denúncia (3235-0000).

No total, mais de quatro mil servidores da Polícia Civil, entre delegados, escrivães e investigadores, estarão trabalhando no esquema de segurança do Carnaval em Salvador. Todas as unidades, especializadas e territoriais, funcionarão normalmente durante a folia e as equipes serão reforçadas nas delegacias instaladas nos bairros onde haverá festa.

Secom Bahia

Embaixadora da Etiópia vai participar de desfile do Olodum no Carnaval


Foto: Ascom/SEPROMI
A embaixadora da Etiópia, Sinknesh Eijgu, se reuniu, na tarde desta quinta-feira (12), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, com o presidente do bloco afro Olodum, João Jorge, o vice-governador e secretário do Planejamento, João Leão, e secretários estaduais de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), Vera Lúcia Barbosa, do Turismo (Setur), Nelson Pelegrino, e de Políticas para as Mulheres (SPM), Olívia Santana.

A visita teve o objetivo de promover o país da África, que ainda é pouco conhecido no Brasil, segundo a embaixadora, além de trocar experiências, identificar oportunidades e desenvolver parcerias em áreas como educação, cultura, comércio e turismo. Na ocasião, a titular da Sepromi destacou a Lei 10.639/03, que inclui no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática ‘História e Cultura Afro-Brasileira’.

Segundo a gestora, um dos desafios no processo de implementação da lei é a capacitação de professores. “Essa é uma das ações que podíamos pensar em conjunto, a partir da relação entre os dois países, e estabelecer parcerias neste sentido”. Outras sugestões levantadas por João Jorge e Olívia Santana, respectivamente, foram a criação de voos para facilitar a conexão Bahia-Etiópia e iniciativas relacionadas à valorização das mulheres do continente.

Para Nelson Pelegrino, é necessário intensificar esse intercâmbio. “Temos interesse que os nossos irmãos da Etiópia conheçam Salvador, mas também incentivar o turismo daqui para lá”. A embaixadora vai participar do desfile do Olodum no Carnaval, nesta sexta (13), domingo (15) e terça-feira (17), que tem como tema deste ano ‘Etiópia, A Cruz de Lalibela, O Pagador de Promessas’.

Secom Bahia

Bloco Os Mascarados apoia campanha de enfrentamento à violência contra a mulher


Nesta quinta-feira (12), primeira noite do Carnaval de Salvador, a campanha ‘Vá na moral ou vai se dar mal – Violência contra a mulher é crime’ ganha destaque especial. Nesta edição da festa, o bloco Os Mascarados apoia mais uma vez a campanha gerida pela Secretaria  de Políticas para as Mulheres (SPM).

A sambista Mariene de Castro, que comanda o bloco junto à banda Os Mascarados, e a cantora Amanda Santiago vão animar um público de cerca de dez mil foliões. A sambista abordar o tema de enfrentamento à violência contra a mulher, além de homenagear a axé-music, que completa 30 anos.

Desde o início, a campanha ‘Vá na moral ou vai se dar mal – Violência contra a mulher é crime’ tem mostrado que já é bem-sucedida. Mais de 40 artistas do cenário baiano abraçaram a ideia e gravaram depoimentos apoiando a causa.Outras ações estão previstas para este Carnaval, como as manifestações de apoio do Afoxé Filhos de Gandhy, da Banda Didá e a participação no bloco Antibaixaria, que sai na segunda (16), na Mudança do Garcia.

Secom Bahia

Médico do governo indonésio pede internação de brasileiro condenado à morte

Danilo Macedo - Repórter da Agência Brasil Edição: Stênio Ribeiro

O advogado do brasileiro Rodrigo Goulart, condenado a pena de morte na Indonésia por tráfico de drogas, apresentou ontem (11) à Procuradoria-Geral em Jacarta, um laudo feito por médico indicado pelo governo daquele país confirmando quadro de esquizofrenia e recomendando a internação de Goulart em um hospital psiquiátrico. A informação foi confirmada pelo Itamaraty.

A família de Goulart e o próprio governo brasileiro vinham ressaltando há meses seu estado de saúde mental. Dentro do quadro de esquizofrenia, o brasileiro se recusava a sair da prisão para exames em um hospital. Caso o laudo seja reconhecido pelas autoridades indonésias, há esperança para o adiamento da execução do brasileiro, que embora não tenha data marcada, apresenta-se mais próxima na fila de execuções, depois da morte recente de Marco Archer.

Pela legislação penal indonésia, o condenado não pode ser executado se não estiver em suas faculdades mentais, pois precisa entender o motivo da penalidade. Nas últimas semanas, a família deu declarações informando que o brasileiro vive um mundo à parte, e não tem noção da gravidade de sua condenação, achando que não será executado.

Goulart foi preso em julho de 2004, no aeroporto de Jacarta. Seu destino final seria Bali, para onde levava pranchas de surfe com seis quilos de cocaína escondidos no interior da carga. Os amigos foram liberados. Ele chegou a passar por três aeroportos com a droga: em Johannesburgo, na África do Sul, em São Paulo e em Curitiba. Nascido em Foz do Iguaçu, no Paraná, Rodrigo Goulart já fora internado em clínicas para dependentes de drogas.

O governo da Indonésia já recusou os dois pedidos de clemência aos quais o brasileiro tinha direito. Além disso, o presidente indonésio, Joko Widodo, também recusou o pedido feito pela presidenta Dilma Rousseff para que ele e Marco Archer não fossem executados e cumprissem a pena no Brasil. Marco Archer foi executado por pelotão de fuzilamento no dia 17 de janeiro.

- Assuntos: laudo médico, governo indonésio, hospitalização, brasileiro, condenado

Setenta planos de saúde têm vendas suspensas pela ANS por queixas de usuários

Michèlle Canes - Repórter da Agência Brasil Edição: Jorge Wamburg

Setenta planos de saúde de 11 operadoras terão a comercialização suspensa, a partir da próxima quinta-feira (19), por determinação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) depois de receber reclamações de usuários sobre questões como prazo de atendimento e negativa indevida de cobertura.

Em nota, a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), disse que o 12º ciclo de monitoramento demonstra os esforços do setor para a correção das falhas, já que houve uma redução no número de operadoras com planos suspensos em relação a outros ciclos. No texto, a Federação garante que as 27 operadoras associadas vêm investindo continuamente na qualidade de atendimento aos usuários.

No período entre setembro e dezembro de 2014, quando foi realizada a 12ª etapa do programa de Monitoramento da Garantia de Atendimento, a ANS recebeu mais de 13.900 reclamações. A avaliação é realizada a cada três meses, desde dezembro de 2011.

No atual ciclo da avaliação, 39,9% das reclamações foram referentes a problemas de gerenciamento das ações de saúde, como autorização prévia para realização de consultas e exames. Logo depois, com 25,8%, estão queixas sobre desrespeito dos prazos máximos para atendimento de certos procedimentos. As operadoras que tiveram queixas sobre negativa indevida de cobertura podem ser multadas em valores que variam entre R$ 80 mil e R$ 100 mil.

De acordo com a ANS, a medida de suspensão vai proteger cerca de 580 mil beneficiários e é uma forma de melhorar o atendimento. Com a ação, os usuários não ficam sem a cobertura do plano que possuem, já que a suspensão é somente para impedir que novos produtos sejam comercializados.

No próximo ciclo de avaliação a ser realizado pelo programa de monitoramento, as operadoras que apresentarem melhora no atendimento podem voltar a comercializar os planos.

Nesta etapa a ANS permitiu que 43 produtos que estavam suspensos fossem reativados. Ao todo 14 operadoras voltaram comercializar seus produtos, das quais a metade obteve a reativação total e sete, parcial.

Segundo a ANS, 50,8 milhões de pessoas possuem planos de assistência médica no país e 21,4 milhões, planos exclusivamente odontológicos. Desde 2011, quando o programa de monitoramento foi implantado, a agência suspendeu mais de mil planos de 143 operadoras.

- Assuntos: ANS, saúde, suspensão de planos de saúde, reclamações, usuários

MEC reabrirá o sistema do Fies para novos contratos no dia 23

Mariana Tokarnia - Repórter da Agência Brasil Edição: Fábio Massalli

Segundo o MEC, estudantes que aderirem até 29 de março não estarão sujeitos à mudança Arquivo Agência Brasil

O Ministério da Educação (MEC) anunciou hoje (12) que o sistema para novos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) será aberto no próximo dia 23.  As inscrições poderão ser feitas no portal do programa. A novidade é que o sistema terá um prazo para que os estudantes peçam o financiamento. Isso poderá ser feito até o dia 30 de abril. Antes, a adesão podia ser feita a qualquer momento.

Segundo o MEC, os estudantes que fizerem a adesão até o dia 29 de março não estarão sujeitos às mudanças feitas por meio de portaria no final do ano passado. Aqueles que aderirem a partir do dia 30 março deverão ter obtido média de pelo menos 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e não ter tirado zero na redação.

O primeiro passo para fazer a inscrição é acessar o SisFies e informar os dados solicitados. No primeiro acesso, o estudante informa o número do CPF, a data de nascimento, um endereço eletrônico válido e cadastra uma senha que será usada sempre que o estudante entrar no sistema. Após prestar essas informações, o estudante receberá uma mensagem no endereço eletrônico informado para a validação do seu cadastro. A partir daí, ele acessará o SisFies e fará a inscrição informando seus dados pessoais, os do curso e instituição e as informações sobre o financiamento solicitado.

Concluída a inscrição no SisFies, o estudante tem de validar as informações na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) em sua instituição de ensino, em até dez dias, contados a partir do dia posterior ao da conclusão da sua inscrição. A CPSA é o órgão responsável, na instituição de ensino, pela validação das informações prestadas pelo candidato no ato da inscrição.

Após validar as informações, ele deve comparecer a um agente financeiro do Fies em até dez dias, contados a partir do terceiro dia útil imediatamente subsequente à data da validação da inscrição pela CPSA, para formalizar a contratação do financiamento.

No ato da inscrição no SisFies, o estudante escolherá a instituição bancária, assim como a agência de sua preferência. A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil são os atuais agentes financeiros do programa. Se houver dúvida, o estudante deve ligar para 0800-616161.

O sistema foi fechado no início do ano para adequação às novas normas. Desde o final de janeiro, o sistema está aberto para renovação de contratos. As mudanças no Fies, feitas por meio de portaria no final do ano passado, causaram polêmica no setor, pela possível redução de contratos. O fundo oferece cobertura da mensalidade a juros de 3,4% ao ano. O contratante só começa a quitar o financiamento 18 meses depois de formado.

Desde 2010, o Fies acumula 1,9 milhão de contratos e abrange mais de 1,6 mil instituições.

- Assuntos: Fies, novos contratos, financiamento estudantil, MEC